5/30/2011

Insights (Parte I) - O olhar é a luz que SAI do olho


O que nos define como seres humanos?

Se eu fosse responder essa pergunta de forma bem objetiva eu diria que o que nos define é o modo como significamos as nossas experiências vividas.

Não gosto da idéia de ser preso à nada nessa vida, sou um apreciador incorrigível da liberdade, e tento sempre dizer "sim" às oportunidades quando se apresentam, quando tenho vontade e são minimamente viáveis de serem realizadas. Acredito que não existam  modelos confiáveis para nos apegarmos em qualquer instância da nossa vida, e por isso não me prendo à nenhum rótulo.

Eu sempre fui um cara que transitou muito e intensamente por diversos mundos diferentes e tenho experiências desde ir à uma festa da alta sociedade chegando de limosine, até dormir em um prostíbulo horrível no Peru por falta de hotel.. de me envolver com uma garota que pode ser rotulada como a mais patricinha do mundo, e outra que pode ser rotulada como bixo-grila revoltada com a vida, mas descobri em ambas almas lindas e muito mais.

Enfim, o que somos nós? Somos a roupa que vestimos? Somos o que bebemos na balada? Somos o carro que temos (ou não temos)? Somos nossas ideologias, nossas escolhas, nossos amigos?

Acredito que somos um espaço vazio onde ocorrem experiências, e essas vão sendo significadas de acordo com os óculos e moldes que temos para encaixar as pequenas parcelas de "realidade" que se apresenta aos nossos sentidos.

Eu poderia tecer mil críticas à todas as pessoas e grupos com as quais já me relacionei, mas ao invés disso prefiro absorver e aproveitar o que eles me oferecem de bom, e ao oferecer esse olhar, despertar o que de bom há nessas pessoas, e assim despertar o que de bom há em mim pro mundo.

Há uma verdade muito acima da realidade aparente à qual nos apegamos quando decidimos pelos nossos pequenos julgamentos da realidade. Eu acho que todos nós seres humanos queremos e buscamos a felicidade, existem alguns que estão mais perdidos nesse caminho, mas todos nós a encontraremos, porque é a única maneira possível de sermos felizes e livres, quando TODOS os seres forem felizes e livres.

Esses dias, assistindo ao filme "Arido Movie" escutei uma frase que pra mim resume o que eu penso sobre a vida: "O olhar é a luz que SAI do olho!". E aí, qual luz temos lançado sobre o mundo?

(Continua...)

Um comentário:

Vini Carvalho disse...

Indescritivel a vontade que eu fiquei de te dar um abraço enquanto eu lia esse post.

Eh lindo ver sua insipiracao. Que me inspira. Que inspirara um outro alguem.

Hoje nao tenho lançado tanta luz sobre o mundo. Me considero atualmente mais como um buraco negro, tentando absorver as luzes irradiadas.